Resenha: Predestinados - Josephine Angelini

Título: Predestinados
Autor(a): Josephine Angelini
Série: Predestinados #1
Editora: Intrínseca
ISBN: 059788580572209
Ano: 2012
Páginas: 320
Helen Hamilton passou a vida inteira tentando disfarçar o fato de que é uma garota diferente, mas agora, aos dezesseis anos, isso está cada vez mais difícil. Não apenas por causa de sua força sobre-humana ou porque às vezes, sem motivo aparente, pessoas estranhas simplesmente a atacam, mas também porque ela teme que seu juízo esteja seriamente comprometido. Pesadelos recorrentes com uma estranha viagem pelo deserto e a visão de três mulheres derramando lágrimas de sangue a tem atormentado noite e dia. Ao mesmo tempo, um impulso inexplicável, incontrolável, passa a dominar seus pensamentos: Helen quer matar Lucas, um dos rapazes da glamorosa e misteriosa família Delos. À medida que descobre mais sobre sua verdadeira origem, ela percebe que a relação dos dois está submetida não só à sua vontade, mas a forças e tradições ancestrais
.

Predestinados é um livro que à primeira vista parece mais do mesmo, mas aos poucos vai cativando o leitor com uma história envolvente,com muito mistério, mitologia grega e um romance lindo, mas amaldiçoado pelos Deuses.

Helen Hamilton é uma adolescente de dezesseis anos que vive em uma pequena ilha, Natucket, com seu pai. A mãe a abandonou quando ela ainda era criança e a deixou apenas com um colar com um pingente de coração, e desde então, ela o usa o tempo todo, pois além de ser a única ligação que ela tem com a mãe, ela se sente protegida com ele.

Helen não é uma adolescente comum e sempre soube disso. Além de possuir uma beleza fora do comum, tem uma força e velocidade incríveis para qualquer humano normal. Apesar disso, o que ela mais detesta no mundo é chamar atenção de outras pessoas, e quando isso acontece ela sente uma dor insuportável. Por isso, Helen tenta ao máximo ficar invisível, não chamar atenção.

Ela possui poucos amigos, mas quem precisa de muitos quando se tem Claire, ou melhor, Risadinha ao lado para o que der e vier? 

É quando a família Delos chega em Natucket que a vida de Helen muda e ela se vê envolta em mistério, que envolve uma guerra muito antiga, entre gregos e troianos. 

Á primeira vista, o que mais chamou a minha atenção em Presestinados foi a capa maravilhosa, mas o que mais me deixou ansiosa para ler o livro foi o fato dele ser uma releitura da Ilíada, de Homero.

Narrado em terceira pessoa, principalmente pela visão de Helen, confesso que quando começei a leitura a narrativa e o desenrolar da história não estavam me agradando, e por isso a leitura não estava fluindo. 
Além disso, alguns detalhes da história me lembraram muito Crepúsculo. Até pensei em abandonar o livro, mas resolvi seguir em frente e tive uma grata surpresa, pois apesar do começo lento, o livro vai aos poucos prendendo o leitor e a cada capítulo a história vai ficando cada vez mais interessante.

Apesar do livro ter alguns pontos em comum com a saga Crepúsculo, a motologia criada pela autora é bastante diferente da criada por Stephanie Meyer. Foi o primeiro livro que li envolvendo a Guerra de Tróia e confesso que adorei.

O livro tem bastante mistério, ação, reviravoltas e uma grande dose de romance. Adorei a forma como a autora desenvolveu o romance entre Lucas e Helen,de forma gradual, bastante natural.

Também gostei bastante dos personagens, que foram bem desenvolvidos. Torci muito para o casal, fiquei com medo de Cassie e dei muitas risadas com Claire. Portanto eles são os meus personagens favoritos.

O final me deixou com bastante dúvidas sobre o caráter de alguns personagens e ansiosa para ler a continuação, Dreamless, ainda sem previsão de lançamento no Brasil.

É uma ótima pedida para  quem gosta de sobrenatural,mitologia grega, mistério, ação e romances impossíveis.


"(...) Não me importa o quanto seja difícil ficarmos juntos, nada é pior que ficarmos separados."  
Página 250


Beijinhos! :*

Comentou nesse post? Participe do Top Comentarista de Novembro AQUI.

13 comentários:

  1. Esse livro tá na minha lista de desejados desde q foi lançado. Pow, misturar mitologia, sobrenatural ,mistério não é pra qualquer livro né? Ah, nem fazia ideia de que a história era uma releitura de Iliada.Mitologia sempre é um assunto que a gente não se cansa e sempre quer mais.
    Com certeza, depois de ler essa resenha, quero demais ler ele e logo.r.s

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Essa temática não me chama desperta o interesse para a leitura.


    É a segunda resenha que leio e a outra resenhista não gostou do livro. Então tenho 2 pontos de vista diferentes da mesma obra. Isso é legal, ultimamente as resenhas são sempre de elogios mil aos livros, principalmente lançamentos, que fico desconfiada.


    O ruim das séries é essa questão da demora de lançamentos dos próximos títulos, :(


    Bjo.

    ResponderExcluir
  3. oi,
    amo mitologia!! Estou com esse livro para ler, e irei em breve
    amei sua resenha.


    http://www.lostgirlygirl.com

    bjos

    ResponderExcluir
  4. eu gosto desse tipo de leitura, mas nao sei se leria o livro, sei lá tem algo que nao me chama muito a atençao sabe
    mas ele está na minha lista de leituras, em u mfuturo distante, mas está

    ResponderExcluir
  5. Apesar de não ser a pessoa mais fã de Crepúsculo, achei a história de PREDESTINADOS interessante. Acho que foi o lance da mitologia que me cativou. Gosto de romances proibidos, mas quando a ambientação é diferenciado, acho ainda melhor.
    Não sei se este seria um livro que morreria de vontade de ler, mas se tiver a oportunidade, provavelmente lerei.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Estou bastante curiosa pra ler esse livro nao so pela cap que é muito linda mais pela mitologia grega que eu adoro e tambem pela Guerra de Troia!! Estou muito ansiosa pra ler!! Bjos.

    ResponderExcluir
  7. Eu estou feliz pela sua resenha, nos últimos tempos eu tenho tentado criar uma ideia sobre esse livro e vi muito comentários sobre ele, alguns diziam ter esperado mais do livro justamente pela expectativa que veio sendo criada em torno dele. Eu gostei da leitura de Crepúsculo e gosto de mitologia então acho que posso adorar esse livro. Tirando essa capa maravilhosa que a parte já me faz querer te-lo.

    ResponderExcluir
  8. Não sei tudo sobre Mitologia Grega, sei só uma pequena parte basicamente incontável. Mas é um assunto que eu gosto bastante, apesar dos pesares. Eu não li Crepúsculo – podem me crucificar- então eu não vou perceber a semelhança. Gosto de livros que prendem o leitor e tenho certeza de que ele vai me prender. Ótima resenha.

    http://sobreimportancias.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  9. Gostei da resenha e ja coloquei esse livro na minha lista.
    Legal a ideia do tema do livro ser baseado em mitologia grega.
    A melhor amiga da personagem e conhecida tmb como Risadinha? (achei engracado).
    Gostei tmb da capa desse livro.
    Bjins.

    ResponderExcluir
  10. Adoro sobrenatural e mitologia. Creio que vou amar.
    Está na minha estante, é o próximo que irei ler.
    Também tenho que falar da capa. É linda demais. Já tinha adorado quando vi e quando chegou o meu achei muito melhor "ao vivo".


    Thais Vianna
    @dathais

    ResponderExcluir
  11. Gosto de tudo que você disse aí no final, principalmente de romances impossíveis! hehe... Não conheço a história original, nem praticamente nada de mitologia grega, por isso mesmo acho que eu deveria ler. É um assunto que arrebata tanta gente que eu duvido que não seja interessante.

    ResponderExcluir
  12. Também achei a capa muito bonita mesmo. Apesar de gostar bastante de mitologia, confesso que não sei quase nada sobre o assunto, e quando vi que esse livro aborda esse tema, fiquei mais curioso pra lê-lo. Sem falar nos outros ingredientes bem instigantes.


    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  13. Amanda Naira arrais22 de novembro de 2012 13:16

    Não entendo tanto de mitologia grega e tals. o que nesse caso vai ser até bom, vai evitar que eu faça comparações..

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails