Resenha: Embriagada - Koren Zailckas


Título: EMBRIAGADA – A HISTÓRIA DE UMA ADOLESCENTE ENTREGUE AO ÁLCOOL
Autor: Koren Zailckas
Editora: Ediouro
Número de páginas: 264
Ano: 2007



Sinopse:


Koren não é capaz de se lembrar de seu primeiro beijo ou da primeira noite com um homem. Sua memória é cheia de espaços em branco. Do primeiro gole, porém, ela não se esquece: aos 14 anos, na casa de uma amiga, ela experimentou um drinque e uma sensação de poder. Um relato emocionante, que mostra como o álcool é usado pelos adolescentes como parte da identidade, uma forma de ser aceito pelos demais membros de um grupo.

 


O livro é um relato real da própria autora e sua vida durante os anos em que a bebida se tornou parte importante do seu dia a dia.

A autora começa em seu prefácio nos explicando porquê ela resolveu escrever esse livro, nos mostrando um resumo geral das fases em que a bebida marcou sua vida, as estatísticas e pesquisas em relação ao consumo de bebidas alcoólicas por meninas, mostrando que o foco do livro é em relação ao sexo feminino, mas também fazendo comparações ao sexo masculino de vez em quando.

Uma garota que era tímida e que após ingerir uma única vez bebida alcoólica teve uma sensação de poder e se sentiu dona de si. Começou a atrair mais o olhar dos meninos, e não se sentia mais deslocada, estranha ou medrosa.

Koren começou a beber muito nova, com 14 anos, mas a data em que começou essa fase é uma das únicas coisas que ela lembra na verdade. Momentos importantes na vida de qualquer adolescente, momentos que a maioria quer recordar como o primeiro beijo, a primeira relação sexual, a primeira menstruação é algo obscuro em sua mente. Ela cresceu sem criar laços de amizade, como ela mesma nos diz: “Eu poderia ter feito amizades verdadeiras, do tipo que se estenderia até a idade adulta...”. 

Durante nove anos ela não conseguiu se livrar da bebida. No entanto em sua narração ela não se vê como uma alcoólatra, e como ela mesma diz: “Sou uma jovem que abusou do álcool, ou seja, bebi com a finalidade explícita de me embebedar, tornar-me valente ou curar minha melancolia”. 

Após perceber o caos que estava sua vida e que tudo aquilo que parecia uma maravilha não passava de uma ilusão, ela conseguiu se livrar do vício aos 23 anos, e não foi uma tarefa fácil.

Com essa leitura, às vezes é fácil perceber que os costumes dos norte americanos é bem diferente dos nossos em vários aspectos, mas o mais interessante é que o relato em si se aplica a qualquer cultura e costumes. 

A autora nos conta sua história com muito realismo e emoção. É um livro que eu recomendo a todos. É um tema muito atual e que acontece o tempo todo, em qualquer lugar, com pessoas de qualquer sexo ou classe social. O livro é realmente um alerta para os jovens e suas famílias. 

Quotes:
“É estranho o modo como a mente se lembra de esquecer.”

“Pra mim, a abstinência foi sinônimo de dores crescentes. Significou começar do zero, recordar minha fase complicada e aprender novamente o significado de ser adulto.”




Leiam!!!
The Lost Girl

32 comentários:

  1. Parece bem forte, mas uma história boa de se ler.
    Interessante.
    ;)
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Um livro interessante mesmo! Gosto muito de livros que contam histórias reais e como esse problema é um problema tão atual na juventude do mundo todo, acho super válida a leitura desse livro, mesmo que seja uma história forte, temos que tomar conhecimento do mal que a bebida pode causar! Gostei muito, parabéns pela resenha! Bjo!

    ResponderExcluir
  3. Achei interessante a autora expor uma experiência nada boa de sua vida. Com certeza é uma forma de alertar os jovens que embarcam nessa.

    Álcool na maioria das vezes se torna um caminho sem volta, e muitos jovens acham que é sinônimo de liberdade, mas é totalmente ao contrário, uma prisão.

    A história com certeza é bem interessante. Não conhecia esse livro. Parabéns pela resenha!

    Beijinhos,

    Ler e Almejar

    ResponderExcluir
  4. Eu tenho esse livro mas ainda não li para variar, comprei porque gosto desse tipo de história, com dramas reais e as vezes tão perto da gente...Parabéns pela resenha, muito boa.É bom sair da rotina das mesmas resenhas dos mesmos livros. Bjkssss

    ResponderExcluir
  5. Queria muito ler esse livro! Tomara que eu consiga ler em breve!
    Amei a resenha!

    ResponderExcluir
  6. Ooi!

    Achei a história interessante, além do fato que deve ser magnífico nos detalhes, já que é a autora que viveu. Parece que é forte, no sentido de alertar os problemas para quem está lendo. É um livro que me chama atenção, assim já está na minha lista de "Quero ler em 2011" hahaha

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Muito interessante...Gosto muito de "verídicos",me fascina saber que são histórias reais ,parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
  8. Um tema mto forte.Coisas que são mto boas a serem tratadas logo na adolescencia.Parabéns pela resenha...

    ResponderExcluir
  9. Nossa muito boa a resenha e pelo que parece muito bom o livro !
    é legal quando você lê um livro baseado numa historia real, pois sabemos o que a pessoa passou de verdade, e é tambem um livro de alerta para os jovens de hoje em dia que entra na vida do alcool, das drogas etc... e tambem pode ajudar algumem que esteje passando por isso.

    Eu realmente espero poder ler esse livro !

    beijooos :*

    @AmandaGoncalvez

    ResponderExcluir
  10. Parece ser uma história muito forte!
    Gostei muito!
    Quero ler, com certeza!
    Dica anotada!
    Bjus,
    Náh

    ResponderExcluir
  11. Parece ser um ótimo livro!
    Ainda mais para todo mundo ter uma noção do que o álcool é capaz de fazer com uma pessoa.
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. É uma tema forte mais que deveria ser recomendados para todos, principalmente jovens. Adorei a dica :)

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Ótima resenha!!
    Mas acho que o livro é meio depressivo para mim, não faz meu estilo...
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Ótima resenha.
    Parece interessante, na lista das leituras 2011 (que já está mais do que lotada) XD.

    ResponderExcluir
  15. Caramba, parece ter uma história muito interessante. Gosto muito de histórias reais, de superação :)
    adorei os quotes :D
    bjs

    ResponderExcluir
  16. É um tema ATUAL! Claro que é forte, como muitos já disseram. Mas são de exemplos como esse que muitos jovem precisam! Eles precisam acordar pra vida antes que a droga, seja ela qual for, os leve à morte.
    Agora tô querendo ler!
    Vcs só fazem minha lista de "desejados" aumentar.. ôôô hahahaha

    Beijos^^

    ResponderExcluir
  17. Um tema complexo e forte, que trabalha com emoções contraditórias. Não é o tipo de livro que me atrai, mas ao mesmo tempo sempre é útil saber que existe.
    Bjkas!

    Monique Martins
    MoniqueMar
    @moniquemar

    ResponderExcluir
  18. Tenho medo de livros assim com temas tão fortes, mas ao mesmo tempo fico tão curiosa pra saber o que acontce.. rs.
    Goatei da indicação, beijos.

    ResponderExcluir
  19. O tema do livro é bem forte, de fato. Imagino que seja um ótimo livro para conhecer mais sobre o assunto e sobre a vida de um alcoólico. Atualmente eu acho que seria muito bom para mim ler este livro, já que estou trabalhando num artigo de mesma temática! Aposto que só engrandeceria ainda mais a minha visão sobre este assunto. Muito boa resenha, parabéns! :)

    @madchenmeroko

    ResponderExcluir
  20. Parece ser um livro forte e interessante.
    Não conhecia a história.

    Beijos!!!
    Arte Around The World

    ResponderExcluir
  21. Meninas,
    Assunto bem polêmico e necessário ser abordado.
    Eu coloquei hj tb uma postagem bem polêmica, sobre Raves.
    Gostei muito desta resenha, e além de saber que foi sobre a própria experiência da autora.
    Bjs
    Renata
    www.tecergirassois.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Uau, a capa diz tudo né, o retrato de uma dependente alcoolica. O livro parece ser bastante interessante mesmo, fiquei com vontade de ler. O bom é que a autora reconheceu que tinha um problema, superou e agora está compartilhando de seus momentos dificeis.

    @Tibiux

    ResponderExcluir
  23. Oi!

    Livro obrigatório para uma certa galerinha que anda por aí entornando todas, não é?

    Quando bebi pela primeira vez, eu tinha uns 18 anos já, e foi com amigos, minha sorte, porque fiquei mal. Imagina estar com estranhos? Qualquer coisa pode acontecer.

    A bebida não pode ser a porta de entrada para uma festa, um namoro, fica tudo irreal, é uma ilusão. Beber deixa as pessoas muito vulneráveis, isso sim, principalmente em se tratando de adolescentes.

    Hoje a garotada anda enchendo a cara com muito pouca idade e nenhuma - óbvio - responsabilidade. Portanto, espero que a turminha que puder ler esse livro, que leia e apreenda alguma coisa, antes que seja tarde.

    ResponderExcluir
  24. Adorei a resenha!! Quero procurar já esse livro para poder ler, acho que a cultura deles (EUA) não é tão diferente daqui do Brasil, afinal milhares de jovens com essa idade já estão tomando bebidas alcoolicas. Mas como você disse é um livro de alerta para todos, e pelas frases que você colocou estou muito animada para ler, beijo!

    ResponderExcluir
  25. Muito triste quem vive o drama do alcoolismo e cada vez mais cedo os jovens começam a cair nesse mal. Vale a pena esses livros de alerta, fiquei curioso pra saber a história da autora...

    ResponderExcluir
  26. Este livro é interessante, fala de um problema de todos e faz como um alerta aos jovens, achei legal!!

    ResponderExcluir
  27. O livro parece ser interessante mesmo. Adoro quando tratam de temas da atualidade. Gostei também da atitude da autora em compartilhar a sua história com o mundo =)

    @Tibiux

    ResponderExcluir
  28. Parece ser interessante a história.

    ResponderExcluir
  29. Gostei dessa resenha, historia super envolvente e nos mostra uma lição. Por isso não bebo, sempre acaba com toda a brincadeira e acaba com a vida das pessoas. achjo que deve ser por isso que ela não lembra de nada, ewm todos os momentos importante da sua vida ela sempre esteve bêbada.
    Bjo

    ResponderExcluir
  30. É um tema bem legal, mas que eu não tenho vontade de ler.

    Mas com certeza seria um ótimo presente para muitos amigos meus

    Thiago
    http://outroconceito.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  31. A história é boa pra alertar sobre os males do alcoolismo, mas não tenho interesse em ler ele.
    Quero temas mais leves.

    Bye

    ResponderExcluir
  32. Você conseguiu transparecer na sua resenha a tensão e obscuridade que o livro (aparentemente) tem. Vou ler e indicar para as minhas amigas com certeza! Às vezes é preciso ter um choque de realidade para ser puxado de volta a vida real...
    Beijos!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails