Resenha: E Nós Chegamos ao Fim - Joshua Ferris

Edição:
Editora: Nova Fronteira
ISBN: 9788520920886
Ano: 2008
Páginas: 352
Tradutor: Myriam Campello

Sinopse:

Nesse primeiro e hilariante romance, o ex-publicitário Joshua Ferris retrata a crise de uma agência de publicidade no final do boom da década de 1990. Os funcionários da agência começam a ser demitidos um após o outro. Desesperados e quase sem trabalho a ser feito, os sobreviventes inventam fofocas, espalham boatos e até sabotam os próprios colegas. Com personagens fascinantes e incrivelmente universais, "E nós chegamos ao fim" é um retrato extremamente realista das relações humanas nos dias de hoje.


E nós chegamos ao fim mostra o cotidiano de uma empresa de publicidade nos Estados Unidos nos anos 90, época de uma grande crise no mercado.

O início do livro começa nos descrevendo o local de trabalho e também seus funcionários. Há uma grande quantidade de personagens durante todo o livro e ele não é focado em nenhum em especial. Vamos conhecendo várias histórias que acontecem ao longo dos dias de trabalho na agência e também fora dela. Esse é um livro que mostra o comportamento das pessoas, tornando fácil o leitor se identificar com algumas delas.

A empresa entra em recessão por causa da crise e com isso tem que começar a demitir os funcionários. A partir daí, intrigas, fofocas, ódio, confusões e inveja. Fatos que acontecem na vida real e dentro de uma empresa são desenvolvidos nesse livro. Não só o que acontece dentro da empresa após as demissões começarem, mas também suas vidas pessoais afetam o desempenho no trabalho. Tensão entre os capítulos para saber, quem será a próxima vítima a "andar pela prancha".

Algo que achei muito interessante foi a maneira como o livro foi escrito. O autor escreve o livro na 1ª pessoa do plural, sem identificar um único personagem nos contando a história e fazendo com que nos sentíssemos parte da mesma. Como se fossemos um dos funcionários, um dos personagens. Eu me senti como se estivesse narrando o livro.

Um livro muito criativo, que narra o que se passa no cotidiano real de uma empresa e seus funcionários.


"Por favor, não me agradeça, é um livro que custa seis dólares. Provavelmente você nem vai lê-lo. Ele vai ficar na sua estante e, quando esbarrar com ele de vez em quando, você vai pensar: 'Porque aquele babaca me deu esse livro?' Sei o que é receber um livro ao acaso, acredite..."

The Lost Girl

21 comentários:

  1. heheheeh
    não precisa de demissão em massa pra ter gente sabotando os outros.
    Triste verdade =/
    Amei a resenha flor!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. OOi

    Super interessante esse livro, estou louca para ler depois da sua resenha, nunca tinha ouvido falar. "os sobreviventes inventam fofocas, espalham boatos e até sabotam os próprios colegas" Me chamou bastante atenção nessa parte, creio que eu vou rir com esses boatos rs.

    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Oiee
    Ainda não tinha ouvido falar desse livro, mas parece ótimo, tem jeito de ser bem engraçado
    Ótima resenha ^^
    beijo

    ResponderExcluir
  4. Nossa nunca vi uma narração como essa. Achei bem interessante, pois como você disse, o autor faz com que o leitor faça parte da narração.

    Não conhecia esse livro, mas sinceramente não é minha praia rs.

    Beijinhos,

    Ler e Almejar

    ResponderExcluir
  5. Interessante, naum conhecia o livro.

    http://conversandocomdragoes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Nossa, o comportamento humano é impressionante. Imagino o que esse livro nos revela.
    Estarei entrando em breve no mundo do trabalho (assim espero) e acho que seria de extrema importância conhecer os possíveis perfis que irei encontrar nas empresas o.o

    beijos beijos :**

    ResponderExcluir
  7. Soa como um livro intenso, e bastante "real". Quantas pessoas não já devem ter se sentido assim, né?? Essa sensação ainda não aconteceu comigo, porque ainda não trabalho... mas aposto que um dia acontecerá, como todos nós.

    @madchenmeroko

    ResponderExcluir
  8. nossa que diferente... a capa é bem sugestiva, bom eu nao sei se leria, mas a resenha me deixou bem curiosa...

    ResponderExcluir
  9. Não gostei da história,talvez até me surpreendereria,mas odeia livros com esses focos em vários personagens,gosto de conhecer os personagens,me sentir no lugar deles,não desejo esse livro.
    Mas posso até me surpreender.

    Babi Ever

    Blog *Tinta Pink

    ResponderExcluir
  10. Parece diferente, é bom ler algo diferente de vez em quando para dar um descanso para os vampiros,lobos e anjos que têem invadido a literatura. Gosto desses desafios...

    ResponderExcluir
  11. Eu não conhecia esse livro, e sua resenha me despertou a vontade de le-lo, parece muito interessante um livro que fala do comportamento das pessoas perante uma situação limite, no caso a crise da empresa. Com certeza se eu tiver oportunidade, irei ler! Bjinho!

    ResponderExcluir
  12. Oi!

    Puxa, bem interessante essa narrativa no plural, fiquei imaginando aqui, vou adorar ler. Amei!

    Bjos!

    ResponderExcluir
  13. Ha ha, acho que eu me divertiria muito com esse livro.
    Ótima resenha.
    Bj

    ResponderExcluir
  14. O livro parece ser diferente de tudo o que eu já li. Eu adoro histórias que focam em determinados personagens, então não sei se o livro me atrairia muito mas a resenha me deixou curiosa :)

    @Tibiux

    ResponderExcluir
  15. Me interessei pelo livro! A história parece ser divertida e o ambiente me atraiu! rsrs
    Mais um na listaa!!
    haha

    Bjo^^

    ResponderExcluir
  16. Não sei se seria uma opção para ler agora, não parece muito com o tipo de livros que eu gosto, mas não vou descartar, pode ser que um dia eu o leia.
    Ótima resenha, parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  17. Bem legal e diferente o tema. O livro parece ser legal.

    ResponderExcluir
  18. Um tema bem diferente. Já tinha visto a capa do livro, mas nunca tinha prestado atenção.
    Parece ser divertido, mas com tanta coisa pra ler eu não saberia onde encaixar esse livro na minha lista. Se fosse curtinho ainda dava.

    Thiago
    http://outroconceito.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  19. Interessante a abordagem do livro, um tanto diferente aos livros que estou acostumada a ler.

    ResponderExcluir
  20. Nunca tinha ouvido falar deste livro antes.
    Apesar de gostar da resenha ele não me conquistou não.

    Bye

    ResponderExcluir
  21. Não é o tipo de leitura que eu me sinto "tentada" a ler. Estou numa fase muito romântica. Mas quem sabe um dia, me bate aquela loucura e eu o compre?
    Beijos!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails