Resenha: Amor Contra o Tempo de Myra McEntire

Título: Amor Contra o Tempo
Série: Hourglass #1
Autora: Myra McEntire
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501096524
Ano: 2012
Páginas: 368
Compre Aqui

Sinopse: Emerson Cole sempre achou que algo estava errado com ela. Quando passou a ver pessoas deslocadas da realidade - que eram, na verdade, projeções do passado - e que, ao tentar tocá-las, elas desapareciam como fumaça, Em teve certeza. E então vieram os remédios, a depressão, o colégio interno. Agora que seu período no internato chegou ao fim e ela está de volta ao lar, Emerson vê sua sensação de paz prestes a desmoronar. Alguns fantasmas não estão mais desaparecendo com um simples toque. E com a chegada de Michael Weaver, o consultor de uma misteriosa organização que promete ajudá-la a se libertar dessa condição, um simples toque poderá condicioná-la a algo ainda mais perigoso: a paixão.


Bem vindo à insanidade. Ele foi o primeiro de uma longa série de pessoas - pessoas mortas - que apareciam nos lugares mais estranhos e desapareciam apenas quando eu as tocava. [Pág. 17]
Emerson Cole (Em) perdeu os pais em um acidente há 4 anos e agora tem que viver com seu irmão Thomas e sua esposa Dru. Como sequelas dos acontecimentos ela tem depressão, depende de medicamentos e foi para um internato. Mas o mais peculiar nela é que ela vê pessoas mortas de uma época mais antiga como se fossem fantasmas ou alucinações.
Meu irmão passara por maus bocados comigo. Manter a tristeza trancada dentro de mim não tinha sido uma boa escolha para minha saúde mental. Internação, seguida de um coquetel pesado de remédios para interromper as “alucinações” funcionou por um tempo. Mas no último inverno, cansada de viver em uma névoa zumbi, criei coragem e me livrei dos medicamentos sem contar a ninguém. [Pág. 18] 
Seu irmão está sempre tentando encontrar alguém que possa ajudá-la com esses problemas e é assim que ele contrata serviços da Hourglass, uma organização misteriosa que envia Michael Weaver para a missão. Michael parece ter aproximadamente a mesma idade que Em, é lindo, tem um sorriso de matar, musculoso e esse primeiro encontro é explosivo e instantaneamente um foi atraído pelo outro, como se eles tivessem uma ligação muito forte.
A maioria das pessoas com quem eu tinha crescido me evitava como a herpes. [Pág. 19] 
Em tem uma melhor amiga, Lily, que a aceita independente de qualquer coisa. Tirando Lily, o irmão e sua esposa ela não tem mais laços com ninguém. 
Eu nunca tinha sido tão sincera com ninguém como fui com Michael. Ele me fazia sentir segura, como se eu pudesse ser real - despedaçada, fragmentada e completamente imperfeita -, mesmo que ele fosse o oposto de mim. Intacto, completo e totalmente perfeito. [Pág. 64] 
Aos poucos vamos conhecendo melhor Michael, quais suas intenções, o que é a Hourglass, quem faz parte dela e que viagem no tempo é uma possibilidade real. Segredos, mistérios e descobertas podem mudar o passado, futuro e a vida de muitas pessoas. Vários personagens entram na trama, cada um com sua importância, sua história e seus segredos.

Na trama temos um “possível” triângulo (ou quadrado?) amoroso. Emerson sente uma conexão e atração por Kaleb, que deixa claro que se depender dele os dois ficam juntos, só que ele é o melhor amigo de Michael. E também existe Ava, uma garota que parece ter um relacionamento com Michael, que deixou claro para Emerson que eles não podem ficar juntos, apesar de tudo o que parecem sentir pelo outro.

O livro é uma mistura de ficção científica, romance, viagem no tempo, mistério e muito mais. A leitura flui bem e te deixa presa sem querer parar de ler. O final tem surpresas, reviravoltas e adoro ser surpreendida assim. O desejo por poder revela algo que não era esperado e nem todas as pessoas são o que parecem ser. Ficou um gancho para a continuação e estou ansiosa para saber o que irá acontecer.
Todas queriam me drogar até que eu ficasse em estado vegetativo ou me internar. [Pág. 32] 
Emerson é uma personagem forte, decidida, corajosa, mas por tudo que aconteceu em sua vida, construiu muros para não permitir que ninguém se aproximasse. Ela sofreu muitoooo e vocês saberão como ao ler. De cara eu estranhei o nome de uma menina ser Emerson, estou acostumada com esse nome vinculado a personagens masculino, mas com o tempo me acostumei rs.
Seu cabelo preto estava mais para longo. Casualmente sexy, mas sem estilo definido. [...] A pele bronzeada sugeria ancestrais mediterrâneos e suas maçãs do rosto definidas combinavam com os traços angulosos. A exceção era sua boca carnuda. Os lábios me perturbavam. Eu realmente esperava que eles estivesse vivo. [Pág. 24] 
Os personagens são bem construídos. Michael é o típico mocinho por quem nos apaixonamos nos livros, apesar de ele me irritar às vezes. Thomas é um excelente irmão, que cuida de Em sempre e sua esposa é tão boa quanto ele. Lily não aparece tanto, mas é a típica melhor amiga que todo mundo quer (com exceção de ela ser linda de morrer e deixar os homens atrás dela o tempo todo rs). A galera da Hourglass também é ótima e possuem habilidades muito interessantes, que só saberá quem ler rs.

A única coisa que não gostei foi a capa brasileira e o título do livro. Eu não saberia que esse era um livro que eu desejava há muito tempo, se não visse o nome da autora na capa. O título em inglês (Hourglass) significa ampulheta e eu entendo não colocar tão literal o título, mas acho que combina bem mais. A diagramação está muito boa, páginas amarelas, as letras não são grandes, mas também não são pequenas. Encontrei pequenos errinhos, um deles foi a troca do nome de um personagem, mas nada que atrapalhe a leitura.

Gostei muito do livro, da trama, do tema viagem no tempo, até porque eu ainda não havia lido nada do gênero e me agradou bastante. Estou ansiosa já pela continuação Timepiece que já foi lançada nos EUA, e pelo 3º, Infinityglass, que só será lançado por volta de junho de 2013 por lá (no Brasil deve demorar bastante ainda, eu imagino). Recomendo!!!!  

Já que eu comparei as capas, resolvi mostrar a versão americana e a capa da sequência lançada lá fora. 



12 comentários:

  1. Sua resenha está bem explicativa, mas a trama não me agradou em nada, :(

    ResponderExcluir
  2. Olá, adoro suas resenhas, são todas muito boas.
    Ficção científica, romance, viagem no tempo, mistério e muito mais? Já vi que preciso desse livro, porque adoro todos esses temas.
    Nossa, também faz tempo que queria Hourglass, mas nem sabia que era ele quando vi o lançamento da Galera, nem reparei no nome da autora também. Gostei mais da capa americanas, que são lindas!
    Beijos!
    http://vidadaleitora.blogspot.com/b/

    ResponderExcluir
  3. eu já queria ler o livro pela sinopse mas agora ele pulou a frente de muito desejados!! Eu adoro historias com viagens no tempo, acho interessantíssimo esse tema

    gostei mais das capas americanas, uma pena a galera nao ter mantido

    ResponderExcluir
  4. Sinceramente eu não gostei nem das capas americanas e a brasileira. Muito boa sua resenha dá para ter uma noção de que vou adorar o livro, personagens fortes , suspense, romance e reviravoltas e surpresas. e uma nota alta, eu quero esse livro e espero ue alguém me dê de presente no natal ^^

    ResponderExcluir
  5. Também achei super estranho a menina se chmar Emerson, hahaha.. Mas a história parece ser muito legal. Adorei a resenha. Beeijos
    www.luanamachado.com

    ResponderExcluir
  6. Adorei a resenha.

    Eu me interessei pela historia, achei super legal e já coloquei esse livro na minha listinha. hehe ^^
    Se esse livro for tudo isso que ta na resenha então ele é muito bom mesmo. *-*

    "O livro é uma mistura de ficção científica, romance, viagem no tempo, mistério e muito mais."

    quando eu li isso eu já pensei. "cara, preciso desse livro"
    *u*


    Sobre as capas: Eu gostei da capa brasileira porém a americana é bem mais bonita, são verdadeiras obras de arte.

    ResponderExcluir
  7. Este livro é incrível ! Pena que a editora mudou a capa e colocou esse título meia-boca. Tenho a versão americana e a capa é perfeita!!

    ResponderExcluir
  8. Achei a história super interessante. Cheia de ingredientes que aprecio bastante, como viagem no tempo e mistérios, por exemplo. Confesso que não gostei nem da capa brasileira, nem da americana. Pode ser que tenham conexão com a história, mas mesmo assim, elas não encheram meus olhos.


    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  9. Gostei da trama do livro, e oi? Emerson é personagem feminino? Ai Deus, eu tambem achei estranha a capa brasileira.

    ResponderExcluir
  10. Essa me é uma leitura bem esperada a semanas. rs Daquelas que se eu tivesse aqui e agora, adiava qualquer outra para começá-la. ):

    ResponderExcluir
  11. Ainda não conhecia esse livro, mas parece ser bem legal devido ao seu enredo nada comum. As capas americanas são lindas *-* Bem que a Galera Record poderia ter deixado a capa igual a americana :/

    ResponderExcluir
  12. Francine Fernandes4 de janeiro de 2013 22:51

    Essa capa é incrível, e a história é bem a minha cara. Adorei a sua resenha, você escreve muito bem! Parabéns.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails