Resenha: A Filha do Pastor das Árvores de Gillian Summers


Título: A Filha do Pastor das Árvores (Faire Folk #1)
Autora: Gillian Summers
ISBN: 8528615367
Editora: Bertrand Brasil
Número de Páginas: 280
Onde Comprar: AQUI
 
Sinopse: Com a morte da mãe, Keelie Heartwood, uma jovem de apenas quinze anos, é forçada a deixar sua adorada Califórnia para viver com o pai nômade no Festival da Renascença de Montanha Alta, no Colorado. Lá, coisas estranhas começam a acontecer — estranhas mas familiares. Keelie percebe que algumas pessoas do festival têm orelhas pontudas, incluindo o cavaleiro mais bonito do lugar, Lorde Sean do Bosque. Quando ela começa a ver seres estranhos e a se comunicar com árvores, descobre que existe um segredo a seu respeito e percebe que seu pai lhe deve explicações. 

Bom, Keelie enfrenta um momento difícil porque após a morte da mãe ela é obrigada a viver com o pai (Zeke) que a abandonou quando criança.
Keelie vai descobrindo as coisas aos poucos e embora ela saiba mais ou menos do que se trata, tudo que ela quer é voltar para a Califórnia, terra que que viveu a maior parte da vida. Então vários acontecimentos vão fazer ela rever ou não essa decisão.

Li esse livro bem rápido, em 2 dias. O livro tem um rítmo lento que me incomodou às vezes por causa da demora em revelar certas coisas. Outras estavam bem na cara mas a protagonista escolheu ignorar ou simplesmente não viu. Apesar disso o livro conseguiu me prender na história.

O cenário onde se passa a trama é bem interessante: uma Feira da Renascença. Lá várias pessoas representam como era a vida naquela época. Keelie vai morar com o pai que trabalha na feira e está na época de chuvas, que transformou alguns locais em lamaçais. Rende boas piadinhas em alguns momentos por causa do "Show da Lama".

Não vou entregar aqui o que é ser Filha do Pastor das Árvores porque estraga algumas surpresas, mas o conceito da ideia eu achei muito boa. Quanto aos personagens masculinos só gostei do Scott apesar de algumas coisas (ninguém é perfeito). O tal Lorde Sean não me convenceu e nem aparece muito. Já a Lady Elia é uma típica chata de galocha metida a vilãzinha de novela adolescente. Óbvio que não gostei dela. E o pai dela se chama Elianard (como ele gosta do próprio nome...kkk).

Apesar de eu ter gostado muito da história as coisas que me incomodaram falaram mais forte por isso não dei uma classificação maior.

Sobre a capa temos um belo exemplo de que a versão brasileira conseguiu ser mil vezes melhor que a original. Só erraram na cor dos olhos da Keelie que são verdes mas dá pra deixar passar. E a textura da capa é aveludada como a capa de Insaciável da Meg Cabot. Vejam abaixo a feia capa original.

Capa Original dos EUA

Os outros volumes da trilogia Povo das Árvores (Faire Folk) já foram publicados nos EUA: Into the Wildewood (Faire Folk #2) e The Secret of the Dread Forest (Faire Folk #3). Aguardo ansiosa para o volume 2 ser publicado logo.


Beijos, Érica Marts

14 comentários:

  1. Mesmo as
    pessoas que eu conheço que leram esse livro não terem gostado muito e tentam me
    convencer a não ler.


    Lendo a sua
    resenha me convenceu a dar uma chance para o livro, mesmo a personagem
    parecendo meio lerda.


    Com relação
    a capa, eu achei a brasileira superior.

    ResponderExcluir
  2. A resenha esta otima ! A leitura parece ser maravilhosa mas prefiro os livros com 4 ou 5 pontos ! Tres não é um dos meus numeros ! Mas acho que vou dar uma chance pro livro ! beijos !

    ResponderExcluir
  3. A capa desse livro é linda, eu vi esse livro na livraria so q não comprei pq tinha tantos outros livros me olhando q eu deixei esse para proxima compra, rsrs. Otima resenha!

    @hyuugamarcos  http://mundodosmngas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Sucessoparaseublog5 de abril de 2012 12:13

    Amei, muito boa a sua  resenha.

    ResponderExcluir
  5. Vanilda Procopio5 de abril de 2012 15:05

    Eu li pouca coisa a respeito desse livro e até agora nenhuma me convenceu a ler. Pela sua resenha você também não ficou tão encantada assim com a história ... o enredo dá a impressão de ser interessante, mas no momento acho que não paro para ler. Ficará para outra oportunidade.

    ResponderExcluir
  6. Nossa, realmente a capa nacional é muito melhor do que a original (feia demais!).
    Estou bem curiosa sobre esse livro, tenho visto resenhas muito boas por aí e mesmo vc ressaltando pontos dos quais não gostou, ainda assim a vontade continua. Vamos ver, né? =D

    Bjs, Kel - www.itcultura.com

    ResponderExcluir
  7. como tu consegue ler em 2 dias um livro lento assim? gente, passada aqui hahaha
    não me identifiquei com a história e odeio protagonistas lerdas :( mas gostei da resenha pois passou realmente o que voce sentiu na leitura. :)
    beijos

    ResponderExcluir
  8. Adorei a capa brasileira... é mesmo mais bonita que a americana...

    a história parece ser legal... mas ainda não sei se vou ler... ainda não senti aquela vibe pra ler... 

    adorei a resenhaa

    ResponderExcluir
  9. nossa amei a resenha..agora fiquei com mais vontade ainda de ler esse livro..achei a historia dele bem emocionante.

    ResponderExcluir
  10. Erica

    Vamos combinar que a capa made in Brazil dá de 10 a zero ne. Nossa a lá de fora é mt sem graça!
    Doida para ler esse livro!

    Bjos
    Raffa Fustagno

    ResponderExcluir
  11. Eu não curti tanto essa leitura, pois achei que muitas coisas ficaram em aberto.. e o tal Barrete Vermelho.. nossa que trocinho esquisito! 
    Sei lá!
    A mocinha não me cativou de forma alguma. Mas pelo final do livro acredito que possa melhorar no próximo volume.. assim espero!

    O personagem que eu mais curti foi o Gato (Knot) ele é hilário e muito sagaz!

    Fiz resenha para esse livro em:http://www.mixliterario.com/2012/03/resenha-filha-do-pastor-das-arvores.html

    ResponderExcluir
  12. Adorei a resenha , pelo titulo e capa eu nunca leria esse livro ,mas pela sua resenha daria uma chance sim . Com certeza a capa nacional é muitooo melhor kkkkkkkkk 

    ResponderExcluir
  13. Gostei da resenha, sempre confundo esse livro com Ecos da Morte UDHAUIDHAIUSHAI >< 

    O fato da leitura ser lenta me deixou um pouco hesitante em comprá-lo, mas vamo que vamo né? hehe 

    E sim! Essa capa é maravilhosa, adoro!

    Um beijo!

    Natalia Leal
    http://www.paginas-encantadas.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails