Resenha: Química Perfeita - Simone Elkeles


Título: Química Perfeita
Autora: Simone Elkeles
Editora: Underworld
ISBN: 9788564025165
Ano: 2011
Páginas: 307

Sinopse: Os garotos do instituto Fairfiel, do subúrbio de Chicago, sabem que South Side e North Side não se misturam. Assim, quando a líder de torcida Brittany Ellis e o marginal Alex Fuentes são obrigados a trabalhar juntos como parceiros de laboratório na aula de química, os resultados prometem ser explosivos. Mas nenhum deles estava pronto para a reação química mais surpreendente de todas: O amor. Poderão romper os preconceitos e estereótipos que os separam?

Por mais que possa parecer, esse não é mais um típico romance do qual estamos acostumados.

Brittany Ellis é a garota mais popular do colégio e chefe das líderes de torcida do Instituto Fairfield e passa a imagem de garota perfeita o tempo todo, mas apenas para manter as aparências. Ela mora na Zona Norte o que significa que é rica e tem tudo o que o dinheiro pode comprar. Só que o que ninguém além dela sabe é que essa imagem de perfeição ela teve que criar, pois de perfeita sua vida não tem nada. Sua mãe é super perua e se preocupa com o que suas amigas vão falar sobre sua família e parece só se importar com boas aparências. Seu pai quase nunca está presente em sua vida, sempre dando mais atenção ao trabalho. E sua irmã mais velha Shelley, de 21 anos, possui necessidades especiais, anda numa cadeira de rodas, tem uma deficiência cerebral e é a pessoa que Brit mais ama nesse mundo, cuidando dela melhor do que ninguém.

Alejandro Fuentes (Alex) é membro de uma gangue, mexicano, mora na Zona Sul, o que significa que é pobre. Ele também tenta manter a aparência de durão o tempo todo. É o homem da casa, afinal seu pai morreu quando ele tinha 6 anos na sua frente e por isso ele entrou na gangue, para proteger sua família. Ele tem 2 irmãos, Carlos e Luis, e não quer essa vida de marginalidade para eles. Ele trabalha na oficina de seu primo para ajudar no sustento da casa e apesar de fazer parte da gangue Sangue Latino, ele não fez nada de ruim além de fazer cobranças para o chefe da gangue, ele nunca traficou nem usou sua arma. Ele não acredita muito em si mesmo e não pensa em seu futuro, pois com a vida que escolheu, apesar de inteligente não se imagina numa faculdade. Ele também tem seu melhor amigo Paco, que tem sua importância na história.
“Meninos e meninas da zona norte não se misturam com meninos e meninas da zona sul. Não pense que nos achamos melhores do que eles... Apenas, somos diferentes. Crescemos na mesma cidade, mas em lados totalmente opostos. Vivemos em grandes casas, à margem do Lago Michigan, enquanto eles vivem à margem dos trilhos do trem.” [Pág. 18]
É o primeiro dia de aula do último ano do ensino médio e Brit quase atropela Alex em sua moto no estacionamento do colégio distraída numa conversa com Sierra, sua melhor amiga.
Brit namora há 2 anos Colin, jogador de futebol e cara popular da escola (totalmente clichê, jogador de futebol e líder de torcida), isso é claro que a ajuda a manter as aparências do “casal de ouro” da escola. Colin passou as férias com um amigo seu, longe de Brit e voltou um pouco diferente, como ela vai percebendo aos poucos. Apesar do tempo de namoro, eles nunca deram o “próximo passo” no relacionamento e Colin começa a pressionar Brit a fazer sexo cada vez mais, mas por algum motivo ela não se sente à vontade.

Alex é ex-namorado de Carmen Sanchez, mexicana da gangue dele, que o quer de volta.

Na aula de química a professora Peterson resolve escolher as duplas a se sentarem juntas pelo resto do ano em sua aula e é claro Brittany e Alex são escolhidos para ficarem juntos e fazer um projeto que levará meses. Depois do incidente do estacionamento os dois se provocam o tempo todo nas aulas.

Alex tenta de qualquer forma seduzir Brit, com seu charme, uma forma que ele encontrou de perturbar a menina e seu namorado. Além disso, ele faz uma aposta com seus amigos da gangue dizendo que consegue “ganhar” a menina em até dois meses, antes da Ação de Graças.
“[...] Porque diabos achei que poderia atrair uma menina tão bonita, tão rica e tão branca como Brittany Ellis, para minha vida tão pobre, tão mexicana e sombria?” [Pág. 67]
Aos poucos, receosos, os dois começam a se encontrar para seu projeto até que chega certo momento em que eles baixam um pouco a guarda e passam a conhecer melhor a vida um do outro e percebem ter mais em comum do que imaginavam, pois os dois criaram uma máscara em relação ao que são e ao que mostram as pessoas.
“Nossa, admiro essa menina. De algum modo, estar com Brittany me trouxe de volta alguma coisa que eu tinha perdido, na vida. Alguma coisa... boa. Mas como fazer com que ela acredite nisso?” [Pág. 173]
Aos poucos os dois se apaixonam, mesmo tentando fugir desse sentimento proibido, por todas as diferenças que eles possuem: menina rica de olhos azuis, loira com uma mãe muito rígida e o moreno pobre de olhos castanhos, cheio de tatuagens da gangue que vive em meio à violência das ruas. A química entre eles parece mais forte e eles terão que enfrentar tudo e todos para poderem viver esse amor...
[...] Mas eu me apaixonei... Desde aquele primeiro dia de aula, quando quase bati na sua moto, não consegui parar de pensar em como seriam as coisas, se ficássemos juntos. E aquele beijo... Nossa, juro que nunca experimentei nada parecido, em toda minha vida. Nada mesmo. [Pág. 188]
Os capítulos são divididos entre Brittany e Alex, o que é ótimo pois conhecemos a realidade de cada um. Adorei conhecer os dois mundos e vê-los colidindo ao passar das páginas. Um livro mais adulto, apesar de não parecer, com temas como sexo, drogas, preconceito... Uma história onde vemos o amor ultrapassar barreiras que pareciam impossíveis para alguns. Recomendadíssimo =)


Beijos, Andresa.

22 comentários:

  1. Veja só! Logo que li o nome do livro e vi a capa pensei que era justamente mais um romance açucaradinho e logo no início da resenha você já disse o contrário, que a coisa é mais "forte". Bacana, deve ser interessante de ler, apesar que ele não estaria nas minhas prioridades agora. 

    ResponderExcluir
  2. Esse livro já está na minha lista de livros desejados há muito tempo, e não preciso dizer que fiquei com mais vontade de ler depois de ler a sua resenha, né? Eu achei a resenha fantástica, e despertou muito a minha curiosidade, por ser um livro de romance real, que pode acontecer com muitos casais ao redor do mundo! Eu só não comprei antes pelo preço, que achei um pouco caro! Mas pode ter certeza que, depois da sua resenha, vou comprar! :)

    Beijos, beijos!
    Lara.

    ResponderExcluir
  3. Esse livro já estava na minha lista de livros desejados há muito tempo, e não preciso dizer que, depois de ler a sua resenha, fiquei com mais vontade de ler?! Ainda mais porque é um livro que envolve romance, compreensão e muito amor, lógico. Eu só não comprei antes por causa do preço, que achei um pouco salgado. Mas depois disso, pode ter certeza que irei comprá-lo! Achei a sua resenha fantástica, viu?

    Beijos!
    Lara.

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito da história. Me pareceu um tanto cliché, mas eu adoooooro clichés. Principalmente os de amor proibido.
    Já adicionei na minha lista.

    Beijocas,

    Lu
    www.equinocioaprimavera.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Parece ótimo.
    Pode me falar o preço dele?

    placeforgirlsblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Cristiane dornelas6 de março de 2012 18:44

    SOU DOIDA pra ler esse livro. Olha essa resenha? Não dá aquela vontade de ler? 

    ResponderExcluir
  7. História clássica, mas de um jeito completamente novo. adoro! E eu gosto de livros que se dividem a narração assim, te dá uma visão melhor de tudo
    gostei!
    beijos

    @K_Alencar http://achoquecresci.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Comecei a ler e achei o livro fofo, mas ainda não cheguei no final... tenho problemas com a autora, elea escreve bem, mas dá sempre uma bagunçada no fim.

    Andy_Mon Petit Poison
    POISON ABOUT - Debutando #3 http://bit.ly/AzRQUL

    ResponderExcluir
  9. Como a Lu, gostei bastante da história e devo concordar com ela que é um livro que soa um tanto clichê! Mas, ao mesmo tempo, um livro que fala de amor e da superação de preconceitos e barreiras! Já tinha visto esse livro no site da Underwolrd e me interessado!

    Ótima dica!Um beijo,
    Nica

    ResponderExcluir
  10. Eu li a resenha ainda quando tava na escola e so agora concegui finalmente um tempo pra comentar ! Bem chega de papo ! Para ser cincera eu adorei a resenha e acho bem legal de a historia ser narrada pelos dosi personagens principais ! Gosto muito de livros assim então provavelmente vou comprar pra mim ler ! Otima resenha ! e valeu pela dica ! Beijinhosss!

    ResponderExcluir
  11. Ah, esse livro parece ótimo e despertou bastante o meu interesse. O título é bem legal também. Sua resenha é ótima e despertou a minha curiosidade, já que não é aqueles romances clichês, o que você deixou bem claro no inicio do post. Já adicionei ele na minha lista de Aquisições e pretendo compra-lo logo.
    Beijão, e até logo!

    ResponderExcluir
  12. Como vc disse, muito cliché!
    Eu gosto desse tipo de história (até porque tenho que dar um tempo dos livros sobrenaturais!), mas sempre é assim: a líder de torcida com o jogador, aí vem um outro cara e se apaixona por ela e ela por ele!
    Esse livro parece muito com As Apimentadas (o com a Hayden)!

    xoxo, Isa =*

    ResponderExcluir
  13. Eu estou com muita vontade de ler Quimica Perfeita, desde quando li a sinopse. A sua resenha apenas me deixou mais ansiosa! 

    ResponderExcluir
  14. Olá. Na verdade parece clichê mas não achei. E não é nada parecido com o filme Apimentadas (que aliás eu adoro rs.). Por mais que tenha o atleta com a líder de torcida a história é bem diferente e muito mais do que isso.
    Bjs. 

    ResponderExcluir
  15. Eu acho que o moço da capa podia ter mais cara de mexicano, pq aí ele ainda tem cara de gringo. Mas sinceramente, to torcendo pra que Alex e Brittany não fiquem juntos. Vai ter mais graça!

    ResponderExcluir
  16. Embora o livro pareça bem clichê..sua resenha logo desviou meu pensamento disso...

    Meio forte ..tem romance... só que a parte de lideres de torcida e tals, não consegue tirar a parte clichê.

    Quem sabe me interesso mais e acabo lendo( ou ele vem parar nas minhas mão numa necessidade?!)

    ResponderExcluir
  17. Amo suas resenhas e amei a resenha desse livro. Procurei em sites e nas lojas,mas não acho ele pra vender. Vc pode me dizer onde posso encontrar?? Tô desesperada pq não acho onde vende. Obg desde já *-*
    Att: Kleyssy

    ResponderExcluir
  18. Olá! O livro vende na lojinha da editora Underworld e também vende no Submarino (
    http://www.submarino.com.br/produto/1/23989146/quimica+perfeita).
    Bjs.

    ResponderExcluir
  19. Tinha visto esse livro na lojinha da Under por um preço bom, mas não tinha dinheiro para comprá-lo, daí... :x 


    Não gostei muito da representação dos protagonistas na capa, até porque o Alex devia ter olhos castanhos, não? É, sou muuito detalhista >< 

    E a história me pareceu cliché. Já vi vários filmes desse tipo, com o enredo igualzinho, envolvendo dança, cinema, essas coisas. 

    Mesmo assim, continuo querendo ler, pois já ouvi as pessoas falando muito bem desse livro.
    Um beijo!Natalia Leal

    ResponderExcluir
  20. Comprei este livro na lojinha da Under ... 

    eu amei o livro... nossa , ele é facil e rápido de ler...

    terminei super rapido , não conseguia parar de ler... 

    A Brit e o Alex são cheios de rótulos e conforme vc vai lendo vai vendo que aquilo que dizem sobre si mesmo é só fachada...

    gostei mesmo... mto bonitinho

    ResponderExcluir
  21. Desde o momento que eu vi a capa desse livro eu fiquei com vontade de ler, e depois de ler a resenha só aumentou, e já to a um tempão querendo ler esse livro.

    ResponderExcluir
  22. Obrigada pela resenha,
    eu já tinha visto esse livro e ele não tinha chamado muito a minha atenção. Agora ele entrou para a minha listinha.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails