Resenha: Devoção - Dicky Hoyt e Don Yaeger


Edição:
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788563219237
Ano: 2010
Páginas: 208
Assunto: Não Ficção
Sinopse

Nascido com uma tetraplegia espasmódica, Rick Hoyt foi desenganado por vários médicos, que aconselharam seus pais, Judy e Dick Hoyt, a internar seu primogênito em uma clínica. Mas os pais de Rick recusaram-se a tomar essa medida. Determinados a dar ao filho todas as oportunidades oferecidas a uma criança considerada “normal”, incluíam Rick em tudo que faziam, especialmente com os outros dois irmãos, Rob e Russ.
Mas uma coisa é dentro do seu lar, o vasto mundo é outra coisa. Depois de repetidas recusas por diretores de escola que resistiam às suas tentativas de matricular o garoto, a mãe de Rick trabalhou incansavelmente para fazer passar um projeto de lei, Capítulo 766, a primeira reforma na educação especial no país. Como resultado, Rick e outras crianças com deficiências físicas puderam frequentar as escolas públicas de Massachusetts.
Mas como Rick se comunicaria se não conseguia falar? Para superar esse obstáculo assustador, Dick e Judy Hoyt trabalharam com o Dr. William Crochetiere, e com o presidente do departamento de engenharia da Universidade de Tufts, bem como vários alunos empreendedores, incluindo Rick Foulds, na criação do dispositivo de Comunicação Interativa da Universidade de Tufts. Entre os aparatos domésticos da família Hoyt, ele ficou conhecido como a “Máquina da Esperança”, pois faria com que Rick pudesse criar frases pressionando a cabeça contra uma barra de metal. Pela primeira vez na vida, Rick conseguiu se comunicar.
Então, um dia, Rick pediu a seu pai para participar de uma corrida beneficente, mas havia um porém, Rick também queria correr. Dick nunca havia participado de uma corrida antes, mas o maior desafio estava no fato de ter de empurrar a cadeira de rodas de seu filho ao mesmo tempo. Contudo, uma vez mais, a família Hoyt estava determinada a superar qualquer obstáculo que pudesse impedir sua caminhada.
Agora, depois de mais de 1.000 corridas, incluindo inúmeras maratonas e triatlos, Dick Hoyt continua a empurrar a cadeira de rodas de Rick. Conhecidos em todo o mundo e carinhosamente chamados de a Equipe Hoyt, permanecem cada vez mais dedicados, inspirando milhões e incorporando em todo o seu lema e marca registrada: “Yes, you can!” (Sim, você pode!)

É um livro que detalha a extraordinária história de devoção de um pai e seu filho em cadeiras de rodas e como seu vínculo tem inspirado milhões de pessoas em todo o mundo, incluindo muitos triatletas.
Rick nasceu tetraplégico e inúmeros médicos aconselharam seus pais a colocá-lo numa instituição, mas Dick e Judy, pais de Rick, se recusaram.

Os pais de Rick ficaram determinados a incluí-lo em todas as atividades que uma criança normal tinha, especialmente com os irmãos Rob e Russ.

Um dia, Rick diz ao pai que quer entrar na corrida de caridade, Dick nunca teve uma corrida antes, e mais ainda, ele teria que empurrar a cadeira de rodas de seu filho. Mas mais uma vez, o casal estava disposto a superar este obstáculo e em 1981, Rick e Dick entram em sua primeira Maratona, em Boston.

É uma história inspiradora de um pai. Dick e seu filho Rick, juntos, completaram maratonas e triatlos em todo o país. Sua história inspirou milhões de pessoas e continuará a fazê-lo. Conta sobre sacrifício e esperança. Um livro maravilhoso e surpreendente.

Se você ainda não ouviu falar sobre ele, e nunca conheceu a história de Dick e Rick, definitivamente, você precisa lê DEVOÇÃO.

17 comentários:

  1. Conheci a historia de Dick e Rick no programa da Oprah a alguns anos e logo de cara achei a coisa mais linda; depois fiquei sabendo do livro e achei mais que importante monstrar ao mundo um pouco dessa historia de amor e devoção ;)

    ResponderExcluir
  2. Eu conheci a história de Dick e Rick no fantástico ^^ Achei muito emocionante - uma lição de vida!!! E agora que descobri que tem um livro que conta a história desses dois guerreiros, eu quero ler também =) parece ótimo!

    ResponderExcluir
  3. O livro deve ser lindo mas naum é meu tipo de leitura.
    Bjkas!!

    ResponderExcluir
  4. TAmbém acho que o livro deve ser muito bom , mas não é o tipo de leitura que compraria...Bjkss e parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
  5. Este livro parece ser daqueles que ficam marcados em nossa memória.
    Eu gosto bastante de livros assim, nos trazem de volta a realidade.

    Ótima dica!

    beijos.

    ane-thelittlestorm

    thelittlestorm - bookreviews • music • art & design
    @thelittlestorm

    ResponderExcluir
  6. Mais que uma leitura tocante, esse livro é uma lição de vida.
    Linda resenha.
    Bj

    ResponderExcluir
  7. A princípio pensei que tratava-se de de um livro de auto ajuda. Não que não ajude a uns e a outros, mas parece que é ele traz mais que isso. Eu me interesse pela história. E ele entra na listinha sim. (eu vou falir)
    bela resenha.

    Beijos^^
    Danni
    http://garotas-e-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Não é o tipo de leitura que eu gosto, porém, me interessei, o livro conta sobre uma lição de vida. Talvez quem sabe, eu o compre, porque pelo que eu li, também faz você refletir sobre várias coisas...

    ResponderExcluir
  9. é um livro que todos devem ler para aprender a lidar com certas situações e mudar um pouco o conceito das pessoas em relação a pessoas especiais em geral. É um livro bonito e emocionante

    ResponderExcluir
  10. Deve ser lindo, a história é belíssima e cheia de lições. Quero ler logo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Eu já ouvi falar desse livro, é realmente uma ótima história de superação, mas acho que não é um livro que eu leria, pelo menos não por enquanto.

    beijo

    ResponderExcluir
  12. Esse livro parece uma ótima lição de vida.
    Muito boa sua resenha!

    B-jus

    ResponderExcluir
  13. Não gostei desse livro. Não gosto desse tipo de história. Estão falando super bem e tal, mas pessoalmente não me agrada. Sua resenha foi ótima.

    ResponderExcluir
  14. Great work keep it coming, best blog on earth

    aromatherapy world

    ResponderExcluir
  15. Thanks for the information. I think that you should wash your face at least 3 to 4 times a day. You’ll be surprised how much better your face will look.

    cheap clomid

    ResponderExcluir
  16. Your blog looks nice, even so it would be far better if you’ll be able to use lighter colors too as a professional design. This will make sure that a lot more readers come to check it out.Informative post by the way!

    nolvadex

    ResponderExcluir
  17. Eu estou em um momento emotiva para ler esse tipo de história.
    No entanto, quando eu "superar" essa fase, farei questão de ler esse livro, pois pela sua resenha pude perceber que o enredo é uma bela lição de vida!
    Beijos!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails